Blog do InterBand termina com chave de ouro

Por Caio Dib

O trabalho em equipe foi fundamental para o sucesso do Blog

Depois de um mês de trabalho, o Blog do InterBand 2010 encerra a cobertura jornalística do campeonato. Ao longo deste período, foram 90 posts sobre o campeonato e seus bastidores produzidos por mais de 20 alunos e colaboradores. Este ano, além de matérias escritas, também produzimos 9 vídeos que foram editados pela colaboradora Beatriz Moura.

67% dos acessoas vieram de sites relacionados; 21%, de mecanismos de busca; e 11% de tráfego direto

67% dos acessoas vieram de sites relacionados; 21%, de mecanismos de busca; e 11% de tráfego direto

Em agosto, o Blog recebeu mais de 3.500 acessos e quase 44% deles foram de visitantes que retornaram ao nosso site. Além disso, estes internautas ficaram, em média, 2:48 minutos no site – a média diária máxima foi de mais de 4 minutos. Ou seja: melhoramos os números em relação ao ano passado. E pretendemos trazer mais novidades e melhorias para vocês em 2011.

Esse foi o resultado do trabalho de todos os profissionais do Departamento de Esporte, do Departamento de Cultura e, principalmente, dos alunos e colaboradores que participaram do Blog do InterBand 2010.

Confira o quadro de medalhas do InterBand 2010

Confira o quadro de medalhas do campeonato. E veja os campeões de cada categoria na página do Departambento de Esporte do Band.

Escolas n.o de equipes Ouro Prata Bronze Total
1.o Bandeirantes 35 15 9 3 27
2.o Sagr. Coração de Jesus 6 2 2 1 5
3.o Vera Cruz 4 2 1 1 4
4.o Educ. Santo Antônio 6 2 0 2 4
4.o Mazzarello 7 2 0 2 4
5.o Granja Viana 2 2 0 0 2
6.o Magno 11 1 3 1 5
7.o Escola da Vila 9 1 1 2 4
8.o Arquidiocesano 4 1 0 3 4
9.o Dourado 4 1 0 2 3
9.o Villare 7 1 0 2 3
10.o Santi 4 1 0 1 2
10.o São Francisco Xavier – Sanfra 4 1 0 1 2
10.o Humboldt 5 1 0 1 2
10.o Pentágono 6 1 0 1 2
11.o Singular 1 1 0 0 1
12.o Pinheiro 12 0 3 2 5
13.o Rio Branco 7 0 3 0 3
14.o Santa Cruz 12 0 2 1 3
15.o Móbile 9 0 2 0 2
16.o Centro Educacional Brandão 9 0 1 3 4
17.o Rainha dos Apóstolos 3 0 1 1 2
17.o Vértice 3 0 1 1 2
17.o Albert Sabin 4 0 1 1 2
18.o Doze de Outubro 1 0 1 0 1
18.o Maria Imaculada 1 0 1 0 1
18.o Pioneiro 2 0 1 0 1
18.o São Luís 2 0 1 0 1
18.o Pueri Domus 8 0 1 0 1
19.o Nova Escola Judaica 5 0 0 1 1
20.o Elvira Brandão 1 0 0 0 0
20.o Lourenço Castanho 1 0 0 0 0
20.o Spinosa 1 0 0 0 0
20.o Terra Mater 1 0 0 0 0
20.o Jesus Maria José 1 0 0 0 0
20.o Barifaldi 2 0 0 0 0
20.o Domus Sapientiae 2 0 0 0 0
20.o Oswald de Andrade 2 0 0 0 0
20.o PlayPen 3 0 0 0 0
20.o Salesiano 3 0 0 0 0
20.o São Francisco de Assis 3 0 0 0 0
20.o Madre Cabrini 5 0 0 0 0
20.o N.S.das Graças 5 0 0 0 0

Bandeirantes é o primeiro colocado pela 14ª vez

Por Caio Dib

Desde o primeiro InterBand, em 1996, o Bandeirantes é o primeiro colégio no quadro de medalhas.  “Nós temos times em todas as 30 categorias competidoras. Isso aumenta nossas chances de vitória”, conta Cláudia Regina de Andrade, coordenadora do Departamento de Esporte do Colégio.  Geralmente, as outras escolas jogam em apenas 10 categorias.

Além disso, Andrade ressalta que o formato da competição torna o InterBand mais disputado a cada ano. “Como as equipes mais fracas de cada categoria saem e dão espaço para novos times, o campeonato fica bem mais forte”, explica a coordenadora. A coordenadora ainda diz que as equipes do band são bem formadas tecnicamente. “Além do InterBand, gnahamos outros campeonatos escolares, como o da Escola da Vila, do Albert Sabin, do Colégio Magno, entre outros”.

Confira o aproveitamento do Bandeirantes nos 14 anos de campeonato:

Ano Classificação Geral n.o de equipes Ouro Prata Bronze Total
2010 1.0 35 15 9 3 27
2009 1.o 33 13 9 7 29
2008 1.o 35 13 7 8 28
2007 1.o 36 16 9 7 32
2006 1.o 37 15 11 5 31
2005 1.o 35 16 12 3 31
2004 1.o 37 16 9 9 34
2003 1.o 37 12 15 5 32
2002 1.o 41 18 11 7 36
2001 1.o 42 13 9 6 28
1999 1.o 41 10 9 5 24
1998 1.o 41 7 7 5 19
1997 1.o 43 7 7 9 23
1996 1.o 42 6 9 5 20

“É só elogio pro InterBand”

Por Alessandra Ungria

Marcos Antônio Barros é segurança do Colégio Bandeirantes há 14 anos. Ele acompanha o InterBand desde o início do campeonato. Confira a conversa que tivemos com ele:

Marcos Antônio 1Blog: Muda muito o movimento com o campeonato?
Barros: Muda bastante. Dá uma dinâmica diferente ao Bandeirantes. A intenção do InterBand é interagir com outros colégios. Isso é muito bacana.

Blog: O InterBand de hoje tem muitas diferenças quando comparado com as primeiras edições do campeonato?
Barros: De um tempo pra cá o campeonato vem mudando. As pessoas estão mais conscientes das coisas, estão entendendo o espírito do esporte. O comportamento mudou bastante. Isso é bem legal.

Blog: O que você acha do InterBand?
Barros: É só elogio pro InterBand. Essa intenção de unir as pessoas através do esporte é coisa fantástica. E o campeonato é isso, é incentivas as relações cotidianas através do esporte.

Alunos do colégio trabalham no InterBand como voluntários

Por Rafael Daigo

Nesses últimos dois dias de InterBand, aconteceram os jogos de tênis de mesa. Neles, alunos que gostam do esporte atuaram como juízes voluntários. Além deles, muitos outros alunos trabalharam voluntariamente durante as três semanas de campeonato.

Paulo Henrique Sousa, que tem 16 anos e estuda no Band, é um exemplo destes alunos.  “A professora me chamou para ajudá-la, e achei muito legal essa ideia. Sempre me divirto com o tênis de mesa, que além disso, também me proporciona a saúde do corpo”, disse o jovem juiz.

Pai de primeira viagem

Pai e filhaPor Letícia Melo de Paulo

Júnior, o técnico do time de futsal masculino infantil do Colégio Bandeirantes, agora precisa dividir sua atenção entre sua filha recém-nascida e os jogos.

Ele contou que mesmo com seu assistente, Eduardo Haddad, apoiando e ajudando a equipe, teve medo de sua filha nascer durante o campeonato. “Eu sou fominha, quero estar em todos os jogos”, brincou.

Mas, para sua satisfação, ela nasceu antes do InterBand começar, no dia 31/07. O técnico revelou ainda que tem pouco tempo de sono, mas que gosta muito do que faz.

Federado do Colégio Singular ganha ouro no Juvenil de Tênis de Mesa

Por Carolina Zuccas

1Ontem, no último dia de InterBand, o colégio Singular venceu o Bandeirantes no tênis de mesa juvenil por 3×0.

Para levar o ouro, empenho, dedicação e força de vontade foram elementos essenciais, tanto nos jogos quanto nos treinos. Vitor Seiji, 14 anos, integrante da equipe do colégio vencedor e destaque do campeonato, conta que começou a jogar realmente em 2005. “Antes eu já gostava de brincar um pouco com meu pai, que tentava me ensinar o esporte”, contou. Agora ele é federado, e treina todos os dias durante 3 horas, com exceção da segunda-feira, pois neste dia tem aula.

Com toda essa dedicação, já ganhou vários campeonatos. Foi campeão na Copa Brasil, vice Sul-Americano na categoria infantil individual.Vitor diz que quer se tornar um jogador profissional e participar da seleção brasileira, mas tem noção dos desafios que o esperam: “eu sei que é muito difícil, então por enquanto só quero me preocupar em ir ganhando destaque ao longo do tempo”, afirmou.