O goleiro-linha do Pentágono

Untitled-5

Por Alessandra Ungria

O time de futsal mirim masculino do Colégio Pentágono venceu o jogo de ontem, 17/08, contra os meninos do Lourenço Castanho, por 8×2. Grande parte deste mérito vem dos pés de alguém que, teoricamente, não está lá pra chutar a gol, mas sim para defendê-lo. Um dos artilheiros da equipe, Pedro Salles, de 14 anos, fez mais do que sua função de goleiro.

Pedro jogava na linha, atuando como zagueiro. Porém, com a saída do goleiro do time, ele entrou em seu lugar. Com o bom desempenho que foi tendo ao longo do tempo, acabou ocupando a vaga e, há um ano e meio, defende o time do Pentágono no gol. Nem por isso deixou de fazer gols também: tem o costume de ir para o meio dos jogadores e tentar marcar gols.

Ele esteou no InterBand este ano e já marcou 2 gols neste jogo de terça. Resta esperar para ver o que mais este jogador de múltiplas habilidades pode fazer pelo seu time.

Hand, volei e futsal agitam o Interband

Por Alessandra Ungria

Untitled-3

Handebol, voleibol e futsal foram os esportes da vez no Interband desta terça-feira (17/08). O placar “show de bola” dos meninos do futebol comprova isto: Pentágono 8 gols contra 2 do oponente Lourenço Castanho. Além deles, as meninas do infantil do Humboldt também mostraram serviço: 2 sets a 0 contra as alunas do Domus Sapientae no vôlei.

Entre os jogos, destaque para o confronto entre as meninas do hand mirim do Rio Branco contra as da Escola da Vila. O placar, que foi de 21×08 para a Escola da Vila, refletiu o talento de algumas jogadoras dentro de campo. Uma delas, que jogava com a camisa 28, já vem há 3 anos para o Interband. Aluna da Vila, Clarisse Suzuki, de 13 anos, elogia: “Já joguei várias vezes no Interband e eu gosto de vir aqui.”

Hand, volei e futsal agitam o Interband

Por Alessandra Ungria

Untitled-3

Handebol, voleibol e futsal foram os esportes da vez no Interband desta terça-feira (17/08). O placar “show de bola” dos meninos do futebol comprova isto: Pentágono 8 gols contra 2 do oponente Lourenço Castanho. Além deles, as meninas do infantil do Humboldt também mostraram serviço: 2 sets a 0 contra as alunas do Domus Sapientae no vôlei.

Entre os jogos, destaque para o confronto entre as meninas do hand mirim do Rio Branco contra as da Escola da Vila. O placar, que foi de 21×08 para a Escola da Vila, refletiu o talento de algumas jogadoras dentro de campo. Uma delas, que jogava com a camisa 28, já vem há 3 anos para o Interband. Aluna da Vila, Clarisse Suzuki, de 13 anos, elogia: “Já joguei várias vezes no Interband e eu gosto de vir aqui.”